.

.

terça-feira, 2 de junho de 2009

E O JOÃO TEIMOSO NÃO QUER DEITAR !

Um dia eu ganhei um João Teimoso de meu pai. Ele tinha a cara do Zé Colméia e era um boneco de plástico meio duro (existiam também os insuflados, aqueles cheios de ar...). 
Todo João Bobo possuía a parte inferior arredondada e NÃO DEITAVA JAMAIS... Dava raiva!!! Não sei porque me deram um boneco bobo desses... 
Enfim, quando lhe dava uns tapas ele balançava, balançava e voltava para a posição inicial de antes. Sinceramente! Que bonequinho bobo o tal do João Teimoso. Eu como não era um garoto bobo, nunca que iria gostar de bonecos bobos e sem graça. Meus brinquedos preferidos eram aqueles de montar e desmontar, tipo: Pequeno Arquiteto, Poly (que depois passou a se chamar Lego) e todos os outros que possuíam encaixe.
 Olha o João Teimoso aí gente !!!
 Pode balançar que ele não cai e nem deita...
Mais um dia, cansado de possuir um boneco tão teimoso e tão bobo como aquele... Resolvi então fazer uma “GRANDE” cirurgia no pobre coitado. Geeente!!! Q foi?? Não me olhem assim. Juro que "na época" eu tive a melhor das intenções. Pensei comigo: É hoje que vou curar a teimosia desse danado! Santa pretenção... Logo EU? Curar a teimosia do João Teimoso... Me poupem!!! No fundo eu já sabia que a cirurgia seria irreversível. O boneco iria ficar sequelado para o resto da vida. E foi o que aconteceu. Peguei uma faca peixeira na cozinha, abri o boneco ao meio e descobri o segredo de tanta teimosia: Sua base arredondada era feita de ferro com enchimento de areia. Vê que coisa mais boba!! E ainda levei uma surra da minha tia por ter destruído o boneco. 
E quer saber a verdade? Fiquei com remorso SIM! Pois um enorme sentimento de culpa me invadiu a alma. Me senti o próprio Jack, "O estripador de João Bobos". E hoje eu já acho o João Teimoso super engraçado e nostálgico. Tenho pretenções de um dia colocar na minha sala um João Teimoso bem "grandão". Porque não?? Quem sabe algum designer cool vai desenvolver um João Teimoso com cara de Toy art ou estilo Retrô. Imaginem! Apês descoladíssimos do mundo todo se utilizando do João Teimoso... Seria o máximo!

9 comentários:

Freddy Simões disse...

Rapaz, que maldade!! Uma cirurgia irreversível no João Teimoso! (Risos incessantes).

Eu tive um, mas era daqueles cheios de ar. Eu também não tinha muita paciência de fazer, em vão, o boneco se deitar.

Dhotta, seu blog é a maravilha máxima da "blogosfera"! Não conheço outro tão original!

Parabéns pela verve criativa tão aguçada!

Jannine disse...

Nunca pensei que vc fosse tão ruinzinho... tsc, tsc, tsc...estou arrasada!
Um cheiro.

Anônimo disse...

até eu que sou boba queria este novo João Teimoso (huahuahua) bjs amei teu blog vc é D+.

Jôka P. disse...

Marcos, os meus brinquedos favoritos eram caixas de lápis de cor, pilots, canetas legais, tintas, pincéis, cadernos de desenho e telas.
Eu também gostava das Barbies, das Tuttys e dos Kens americanos da minha irmã, com aqueles catálogos de roupas bacanérrimos e um monte de trajes modernos e chiques, mas isso não é surpresa nenhuma, tanto que, entre outras coisas, trabalho como ilustrador de moda.
Tudo de bom,
abç,
Jôka

Marco disse...

Olha, Marcão... Não vou nem lhe repreender por ter feito lobotomia no João teimoso. Eu não tenho moral pra isso. Já fui um ativo cirurgião de brinquedos, pois minha insana curiosidade sempre queria saber o que os fazia funcionar, ou mesmo o que tinham dentro.
Lá em casa tinha um boneco desses. Com cara de palahaço. Só que esse me escapou da fúria assassina...
Carpe Diem. Aproveite o dia e a vida.

Márcia(clarinha) disse...

Quem já não teve um João Bobo? Quem?
Quem já não espalhou aquela indefectível areia pela casa? Quem?
Quem não gostaria de ter um Bobão enfeitando a casa só pra esmurrar em momentos de delírio? Quem?

Não condeno sua curiosidade, afinal, coisa boba esse vai e vem vai e vem do teimoso, aff!

linda semana
beijos

Apenas Claudia disse...

Adoro a sua criatividade!!!!

Bjs

Anônimo disse...

ler todo o blog, muito bom

Simone Bittencourt disse...

Em casa nos chamavamos este boneco de "Joao Bobo". Nossa, como ele apanhou, coitado! :)) Era sopapo de todos os lados o dia inteiro. Um dia removi a cabeca dele para ver o que o fazia ficar pesado na base. Havia um circulo feito de cimento colado no fundo interno dele. Achei aquilo tao inusidato... Nos usavamos o Joao Bobo como bola de boliche tambem, enfim, ele era como Bombril: tinha mil e uma utilidades! :D